Botecando #29 – O Alemão – São Paulo – SP

Alemao 1Quando eu falo para algum “forasteiro” em tomar cerveja na Freguesia do Ó, a pessoa logo pensa no Frangó. Já falei aqui sobre o bar e minha relação de amor e ódio para com ele. O que pouca gente sabe é que a poucos metros do Frangó existe um bar que também vale a pena ser visitado e que, na minha opnião, não deve em nada para o Frangó.

Alemão 2O Bar “O Alemão”, também instalado em um casarão histórico situado no Largo da Matriz de Nossa Senhora do Ó, pode não contar com a mesma variedade da carta de cervejas do Frangó, mas além das populares nacionais (Original,  Brahma, Skol, Heineken, etc), também conta com algumas opções diferenciadas, como Paulaner, Norteña, Erdinger e eventualmente alguma outra.

Um ponto forte da casa são os pratos e petiscos, todos de muito boa qualidade e saborosos. O torresmo é um caso à parte e sou até suspeito para falar. A coxinha deles é bem melhor que as famosas coxinhas do Frangó, não que isto seja difícil (as do Frangó não são ruins, só não tem nada demais e você encontra bem melhores na maioria das padocas de São Paulo, e olha que eu sou um especialista neste quitute). O bolinho de carne deles também é melhor do que o do Bar do Seu Luiz, que praticamente “inventou” o petisco.

Alemão 3Como a própria temática do bar sugere, existem também vários pratos alemães, servidos tanto em forma de petiscos ou como pratos, tais como o Kassler (bisteca de porco defumada), Eisbein (joelho de porco assado), Schnitzel (filé de porco à milanesa) e uma boa variedade de Wursts (salsichões). Já ouvi boas referências a respeito do Filé à Parmegiana servido ali, mas nunca tive a oportunidade de experimentar, já que geralmente vou para beber e acabo ficando só nos petiscos. Como se trata de um bar e restaurante, aceita a maioria dos tickets refeição.

Um outro ponto forte da casa é o bom atendimento (putz, não queria ficar fazendo contraponto com o Frangó, mas não dá para não achar o atendimento do Alemão bem melhor que o deles), com garçons atenciosos e até brincalhões.

A área dos fundos, que é aberta e onde é permitido fumar, também é um atrativo.

Mas, assim como a maioria dos bares da Vila Madalena e de outros redutos da boemia, os preços das cervejas subiu absurdamente no último ano. Pagar R$ 10,00 por uma Original ou Heineken é um pouco caro para uma cerveja popular. Mas no final das contas, os prós acabam compensando os contras nesta casa.

Onde: O Alemão (Largo da Matriz de Nossa Senhora do Ó, 134 – Freguesia do Ó – SP)
Quando: 09/08/2014
Bom: petiscos e aceita ticket!!!
Ruim: preço
Site: http://www.oalemao.com.br/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s