Botecando #46 – Sociedade Rosas de Ouro – São Paulo – SP

20150107_232626Ok! Não é um bar, mas tem cerveja, tem música e tem gente se divertindo, então dá para enquadrar na categoria, e afinal de contas quem manda aqui sou eu….hehehe

Como moro na Freguesia do Ó, bairro onde a quadra da escola é situada hoje em dia (para quem não sabe, a Rosas é originária da Vila Brasilândia, inclusive, quando da mudança de localidade, houve uma cisão que gerou o GRES Iracema Meu Grande Amor), já frequentava a quadra há alguns anos (quase uns 20). Porém, havia 4 anos que não ia em ensaio.

20150108_002929O motivo é que o ensaio da Rosas de uns anos pra cá virou “balada”: custa relativamente caro (R$ 30,00 é caro comparando a outras escolas, porém entendo que a escola deve aproveitar a demanda), normalmente tem filas gigantescas e fica muito lotado. Para piorar, agora também está começando muito tarde (mesmo sendo uma quarta feira) e a bateria só entrou quase à meia noite.

Tudo isto acaba tirando um pouco daquele ar de “comunidade”, já o que mais se vê são pessoas que estão ali para mais para azarar e beber, e menos para curtir o samba e aproveitar para interagir com uma realidade que talvez seja distante da dele, além do mais, os valores afastam um pouco as pessoas com um poder aquisitivo menor e que não são associados da agremiação. Sem contar que a maioria das pessoas precisa levantar cedo para trabalhar.

Mas como era a primeira semana do ano imaginei que não estaria tão cheio e resolvi arriscar. O esquema é sempre o mesmo da maioria das escolas: uma roda de samba para esquentar, depois entra a bateria que toca os hinos da escola, eventualmente alguns sambas-enredo antigos e depois começam a tocar o samba do carnaval atual, repetindo inúmeras vezes para que as pessoas o decorem.

Não tem muito luxo (apesar de ser uma das melhores quadras de SP) e os comes e bebes estão disponíveis nos bares da quadra (cada bar é diferente, pois eles são arrendados). Para comer, sugiro bater um belo pernil em uma das barracas da frente antes de entrar (para se preparar para a bebida) e um na saída para dar aquela reforçada.

Infelizmente, cerveja é só devassa (o que me gerou uma baita ressaca!), mas existem outras opções de drinks (caipirinhas, vodka, whisky, etc).

Quanto ao enredo de 2015, achei o tema (“Depois da Tempestade, o Encanto”) bem interessante e com muitas possibilidades no desenvolvimento de fantasias e alegorias. Gostei bastante da letra, porém achei que a música não empolga e a melodia é difícil de decorar.

Os ensaios estão acontecendo todas as Segundas, Quartas (fuja, é o dia mais cheio) e Sextas. Para quem quiser ir, sugiro ir nesta ou no máximo na próxima semana, depois fica praticamente impossível se locomover lá dentro devido à lotação.

Onde: Sociedade Rosas de Ouro (Rua Coronel Euclides Machado, 1066 – São Paulo – SP)
Quando: 07/01/2015
Bom: samba!!!
Ruim: somente cerveja devassa
Site: http://www.sociedaderosasdeouro.com.br/

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s